Profissionais da Saúde e Assistência Social de Timbó aprendem práticas que vão beneficiar usuários

27

Com o intuito de ampliar as ações na saúde e de atender às necessidades da população de Timbó de modo singular e integral, a Secretaria de Saúde e Assistência Social de Timbó, através do Núcleo de Educação Permanente em Saúde (NEPSHU), investiu nos últimos dois meses na formação de seus servidores através do programa de Práticas Integrativas e Complementares.

No mês de setembro, por exemplo, aconteceu o primeiro encontro de formação em auriculoterapia, recurso terapêutico que consiste na estimulação mecânica de pontos específicos do pavilhão auricular, com objetivo de prevenir e tratar problemas físicos e psíquicos. No início de outubro aconteceu o segundo e último encontro da formação, totalizando 16 horas.

No total 20 profissionais da Secretaria de Saúde e Assistência Social participaram da formação e estão aptos a aplicar a auriculoterapia à população de Timbó, através de grupos ou do atendimento individual nas Unidades de Saúde da Família e no CAPS – Centro de Atenção Psicossocial.

Durante este mês de outubro ainda foram ofertadas outras duas formações: arteterapia e geoterapia, voltadas aos profissionais do CAPS. A arteterapia e a geoterapia são muito utilizadas no tratamento e prevenção de problemas psicossociais. A arte, como expressão não verbal, favorece a comunicação de aspectos dos quais não somos conscientes. A geoterapia refere-se ao tratamento que utiliza a terra para cuidar da saúde biopsicossocial.

De acordo com o secretário de Saúde e Assistência Social, Alfredo João Berri, a arteterapia e a geoterapia ampliarão as opções de tratamento que já são ofertadas aos pacientes do CAPS.

Assessor: Sócrates Prado

Fotos/Divulgação 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here