A decisão foi firmada na quinta-feira, dia 20, após reunião virtual entre o prefeito Jorge Kruger e a direção do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Timbó e Região (Siseti). O prefeito ainda ressaltou que no ano passado, o município de Timbó foi um dos poucos que concederam revisão à categoria.

Além do reajuste de 10,06% nos salários, representando a recomposição da inflação medida pelo IPCA – Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo, o mesmo índice de reajuste será repassado ao “Prêmio Assiduidade”, que passa a ser de R$ 20 (vinte Reais) por dia útil de trabalho, podendo totalizar R$ 440,00 por mês para o servidor que atender aos requisitos exigidos na lei. Os dois projetos serão protocolados ainda esta semana na Câmara de Vereadores, para serem apreciados em fevereiro, no retorno das sessões ordinárias.

Ainda de acordo com o prefeito Jorge Kruger, as revisões de 10,06% nos salários e no “Prêmio Assiduidade” serão retroativos a janeiro. “No projeto que estamos encaminhando à Câmara, vamos pedir essas revisões desde janeiro”.

Outros acordos foram fechados na reunião virtual entre o executivo municipal e o Siseti, como a realização de Concurso Público ao longo do ano, o que contribuirá com o aumento da arrecadação do Timboprev; reabertura das negociações do Plano de Cargos e Salários dos servidores em geral; abertura de negociação em relação a melhorias na carreira do Magistério e garantia de amplo debate em torno das mudanças de regras de acesso à aposentadoria no Timboprev.

 

Assessor: Sócrates Prado/Ascom PMT

Arte: Ascom PMT

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here