No dia 6 de dezembro, às 9h, no auditório da Câmara de Vereadores de Timbó, acontece a audiência pública na qual o SAMAE irá apresentar o projeto da Tarifa Básica Operacional (TBO), modelo que está sendo proposto e elimina a cobrança mínima por 10 mil litros das tarifas de água do SAMAE, tornando a cobrança mais justa e incentivando as pessoas a economizarem água.

Após muitos estudos, o SAMAE encaminhou a proposta de revisão tarifária à Agência Intermunicipal de Regulação do Médio Vale do Itajaí (AGIR), sendo que a estrutura da TBO já é aplicada em, aproximadamente, 200 municípios catarinenses, como Benedito Novo, Indaial, Jaraguá do Sul, Rio dos Cedros, Rodeio, dentre outros.

Com a TBO as residências, comércios e indústrias que gastarem menos que os 10 mil litros de água mensais pagarão exatamente pelo volume que foi consumido, beneficiando principalmente quem se compromete com o consumo consciente.

Dessa forma, o município de Timbó terá uma tarifa relacionada com a disponibilidade e manutenção das redes de abastecimento de água do SAMAE, e a cobrança mais justa pelo consumo real de cada usuário.

 

Assessora: Aline Brehmer/SAMAE Timbó

Arte: Divulgação SAMAE Timbó

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here