Educação de Timbó está entre as cinco melhores do Vale do Itajaí no Ideb

0
590

A educação pública municipal de Timbó comemora mais um bom resultado no Ideb – Índice de Desenvolvimento da Educação Básica, medido pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais. Os dados foram levantados ano passado (2017) e divulgados na última segunda-feira, dia 3. Eles refletem a boa qualidade do ensino fundamental nas escolas. No ranking geral, a educação municipal de Timbó obteve as melhores médias. Também alcançou as metas projetadas nas duas sequências de séries avaliadas, com relação aos municípios de Blumenau, Indaial, Pomerode e Gaspar.

Nas séries iniciais, do 1º ao 5º ano, por exemplo, Timbó tinha uma média a cumprir de 6.6, mas conseguiu a média de 6.9, ultrapassando a meta estabelecida para 2019 que é de 6.8.  E nas séries finais, do 6º ao 9º ano, Timbó tinha uma média estabelecida de 5.9, mas alcançou a meta projetada para 2019 de 6.1. Ou seja, o estudo mostra que a rede municipal de Educação está dois anos à frente do que o Inep tem projetado para Timbó, no que se refere a qualidade do ensino. Nos outros municípios, em algumas sequências de séries, os índices ou não foram alcançados ou ficaram a baixo das médias alcançadas por Timbó.

Para o prefeito Jorge Kruger, os números do Ideb confirmam sua expectativa. “Superamos essas metas de 2019 porque temos um compromisso com nossa educação. Estamos dando continuidade ao belo trabalho realizado pelo ex-prefeito Laércio Schuster, em seus dois mandatos. Também destaco o trabalho de nossos servidores da educação, que não medem esforços para estarem se aprimorando e, consequentemente, proporcionando um ensino de mais qualidade”.

O secretário de Educação de Timbó, Alfroh Postai, relacionou as boas notas no Ideb com a formação continuada dos profissionais de Educação, os investimentos na infraestrutura das escolas, em equipamentos de multimídia, aos projetos de educação fiscal, robótica e leitura. “Esses resultados do Ideb nos permite traçar metas e analisar o que é preciso fazer para melhorar mais a qualidade do ensino fundamental no município”, destacou.

O Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) foi criado em 2007 e reúne, em um só indicador, os resultados de dois conceitos igualmente importantes para a qualidade da educação: o fluxo escolar e as médias de desempenho nas avaliações.

 

Assessoria de Comunicação

Foto: Jéssica Bolsoni

 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here