Além do incremento turístico para a Timbó o projeto é um grande complemento educacional para os visitantes

 

Os visitantes da Expobike 2019, tiveram a oportunidade de vivenciar parte das ações desenvolvidas pelos profissionais do projeto Eco do Avencal, que trouxeram ao público conhecimento a respeito de animais peçonhentos, répteis, insetos, permitindo a experiência de ver de perto e até tocar em animais vivos durante as palestras orientativas. Pois, a partir de meados de março de 2020, a comunidade timboense, assim como todos os turistas que vierem a nossa cidade terão mais essa atração em Timbó. Durante a noite de sábado, 16, o prefeito, Jorge Augusto Kruger, assinou o contrato de concessão de uso de estruturas que estão sem uso no Jardim Botânico, as quais serão revitalizadas e adaptadas para promover o desenvolvimento do projeto Eco do Avencal em sua plenitude.

“Estamos encantados e ansiosos com a repercussão e atuação da equipe do Eco do Avencal em nossa cidade. O potencial turístico de Timbó tem sido reconhecido nacionalmente, pelos investimentos aplicados e pela receptividade de nossa gente, e nada mais justo, que a gestão municipal estar sensível e incentivadora a esta área, que reverte em desenvolvimento econômico e cultural para o município”, analisou o prefeito.

O Eco do Avencal vai se estabelecer no Jardim Botânico de Timbó, ocupando uma área de 25 mil metros quadrados, dentro dos 300 mil metros quadrados que possui o parque todo, onde estão erguidas estruturas que ficam aos fundos do CTG e, por hora, encontravam-se sem utilidade. As obras para adequação desses espaços já iniciam no mês de dezembro.

Umas das idealizadoras do projeto, Keith Damas Zimmermann, explica que o projeto além de educacional é um conceito novo de turismo, ao qual chamam de “Turismo de Experiência”. “É uma Proposta diferente de turismo, onde o participante não fica apenas na visitação estática, de apreciação. Ele interage, questiona, toca, sente com as mãos, com o cheiro, com os olhos. Enfim, ele está imerso no passeio”, enfatiza ela.

Além da vivência com os animais, suas características e como tratá-los, a exemplo do que já foi visto durante a Expobike 2019, a coordenadora do Eco, que é historiadora por formação, ainda explicou que a parte histórica e cultural do município também será muito trabalhada. “Estudamos e pesquisamos muitas regiões e temos plena convicção de que a Timbó tem todo o potencial para desenvolvermos nossa proposta. Vamos possibilitar ao turista saber sobre a cidade, sobre sua origem, sua colonização, sobre sua comida, seus hábitos… O objetivo é proporcionar às pessoas a sensação de se misturar à cultura do local visitado. Acreditamos no potencial turístico de Timbó e nos honra muito contribuir para o desenvolvimento sustentável da cidade”, concluiu Keith.

Durante o ato de assinatura, a gestora de Turismo de Timbó, Cíntia Mara Panini, esteve visivelmente emocionada pois, também vê nessa parceria um importante incremento para o turismo municipal.

 

Mais investimentos no Jardim Botânico

 

Durante a assinatura do contrato, o prefeito Jorge Kruger ainda antecipou a respeito das ações que estão por vir no Jardim Botânico de Timbó. Já foi projetado construções de mais banheiros masculinos, femininos, para portadores de necessidades especiais e fraldário, mais dezoito quiosques e melhorias nas áreas de convivência do parque. “O projeto já está em fase final de aprovação na Caixa Econômica Federal, para futuro encaminhamento para licitação. Ainda neste projeto está contemplada a revitalização da ponte do Jardim Botânico, um dos belos cartões postais de nossa cidade”, adiantou o prefeito.

Assessoria e fotos: Paula Leitão/Ascom PMT

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here