No final da tarde da última sexta-feira, dia 29 de maio, os moradores do Bairro das Nações e proximidades foram surpreendidos com o recebimento de água com coloração escura em suas torneiras. O aspecto causou a impressão que a água não havia sido tratada para distribuição.

Porém, a situação não está relacionada ao tratamento da água e aconteceu devido ao desabastecimento das redes adutoras principais para o conserto de um registro que estava danificado.

A turbidez da água nesses casos acontece porque a mistura de ferro e manganês presentes na água tratada fixam-se nas paredes das tubulações. Assim, com a seca ocasionada pelo desabastecimento e o retorno da distribuição de água e a pressão natural de todo sistema, o ferro e o manganês se misturam a água, alterando consideravelmente a sua coloração.

Essa situação é atípica, fator que causou um grande susto nas ruas atingidas. O Samae realizou descargas nas redes em diversos pontos para minimizar o problema e eliminar parte da água com coloração escura, mas é inevitável que alguns resíduos cheguem aos imóveis mesmo depois de várias horas.

Os consumidores que se sentiram lesados por qualquer transtorno causado devido a essa situação pontual que aconteceu, podem entrar em contato com o Samae pelo telefone 3380-7500, no horário comercial, para serem ressarcidos ou obterem mais informações. Caso o problema persista em alguma residência, o Samae encaminhará uma equipe técnica para realizar mais uma descarga nas tubulações.

Agradecemos a compreensão de todos. Diversas melhorias complexas e a implantação de novos sistemas de distribuição estão acontecendo na cidade. Estejam certos que o Samae trabalha incansavelmente para levar à população de Timbó uma água com cada vez mais qualidade.

 

Assessor: Sócrates Prado/Ascom PMT

Fotos: Divulgação

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here